segunda-feira, 4 de maio de 2009

Apenas PNE?


Qual será a definição para a minha deficiência física?  

Foi um "sonho" meio confuso que eu tive, onde eu mesma "me fazia" esta pergunta...


Fiquei com esta questão "matutando" na minha cabeça...   para falar a verdade eu nunca tinha pensado nisso, sabia?

Até sonhar com isso...


Muitas vezes apenas me "coloco" como PNE (Pessoa com Necessidade Especial) nos posts.

Mas saibam que não é nada "proposital"... é mais para simplificar mesmo...

Imagino que com isso, sempre deixei uma interrogação (?) no "ar" (na cabeça dos leitores).


Suponho que vocês já devem ter se perguntado ou devem estar se perguntando...

"Qual será a deficiência dela?"

Acertei?


Aliás é uma definição meio difícil de ser feita, pois como já devo ter comentado em alguns  posts anteriores, eu fiquei com múltiplas sequelas físicas.


Hoje resolvi "matar" essa curiosidade de vocês.

Então aqui vai a resposta, mas não se impressionem, está bem? Pois a "lista" é grande... (risos)


- Não sou 100% cadeirante, mas devo ser um pouco...se é que vocês me entendem... 

É que quando tenho que sair, preciso usar a cadeira de rodas por causa da falta de equilíbrio, mas em casa me apoio nas paredes e móveis e não a uso (a cadeira de rodas);


- Tenho apenas 50% de deficiência auditiva, porque perdi totalmante a audição do ouvido esquerdo na 1ª cirurgia (o nervo auditivo estava envolvido pelo tumor, então... ), mas a audição do direito está ótimo;


- Também tenho apenas 50% de deficiência visual, já que uso apenas o olho direito, porque o olho esquerdo está fraco, estrábico e não fecha totalmente... uso um "tampão" de olho por causa disso;


- A coordenação motora ficou bastante alterada, mas apenas do lado esquerdo do corpo, então para pegar qualquer coisa que seja, a minha mão esquerda não é "confiável", pois acabo derrubando;


- Quanto a força, tenho mais do lado esquerdo do corpo, ou seja, o mesmo lado que a "parte" motora foi afetada é a mais  forte também...

Isso porque depois da cirurgia de 1998, todo o lado direito do corpo ficou totalmente paralisado, e apesar de 80% dos movimentos terem voltado (graças a Deus e a muitos exercícios), a força também não é a mesma de antes;


- Tenho uma paralisia facial na face esquerda, porque igualmente ao nervo auditivo, o nervo facial também estava totalmente envolvido pelo tumor e teve que ser retirada;


- Tenho "ataxia" (incapacidade de coordenação dos movimentos musculares voluntários), hoje quase imperceptíveis devido a melhora que tive;


Acho que as sequelas são essas...

Por essa razão acho mais fácil me definir apenas como PNE.


Alguém teria uma definição melhor???


Quero dizer que sou feliz, porque eu escolhi ser feliz mesmo assim...

Escolha sempre em ser feliz!

É muito bom!!!


***************************************************************************


20 comentários:

HAZEL disse...

Querida Isa Grou... o prazer em conhecer-te é meu.
Obrigada pela visita e comentário.
Andei a passear pelo teu blog, tentando entender do que se trata, e creio que já cheguei a uma conclusão: trata de escolhas. As escolhas felizes. Obrigada pela sabedoria que partilhas.
Gostei muito e agradeço pelo convite e pela aprendizagem.
Desejo-te muita Força e Saúde.

Dizem que se conseguirmos, juntamente com as pessoas que nos amam, fazer 1.000 tsurus em papel, temos o nosso maior desejo realizado. Mas tenho certeza que já sabes isso.

Beijos mágicos!

Maria de Fátima disse...

Olá Isa gostei de ler todos os seus posts até agora.Admiro-a muito, pela força interior que possui e pelo optimismo com que encara todos os problemas.Beijinhos.

Isa Grou disse...

Olá Hazel,

Seja muito bem vinda, viu!
Muito obrigada pelo comentário e fico muito feliz que tenhas entendido.

Quanto ao tsuru, é verdade... eu já sabia sim...

Grande beijo.

Isa Grou disse...

Olá Maria de Fátima,

Obrigada pelas palavras, viu!

Um beijo grande para você.

silvia dutra disse...

Isa
Dizem que a experiência não é aquilo que nos acontece, mas o que a gente faz com aquilo que nos acontece. E você tem feito um trabalho maravilhoso, escolhas ótimas e iluminadas. Um beijo pra você cheio de admiração. Silvia Dutra (escreve pra mim no email, quero te mostrar foto dos dois hóspedes atuais, dois lindinhos - silviadonadoida@gmail.com)

Isa Grou disse...

Olá Silvia,

"Dizem que a experiência não é aquilo que nos acontece, mas o que a gente faz com aquilo que nos acontece."
Que lindo isso Silvia...
Saiba que apenas estou fazendo "a minha parte"...
Obrigada, viu!
Te escrevo no e-mail sim...

Grande beijo.

cova-do-urso disse...

Isa

Sabe que nunca me passou pela cabeça essa pergunta?

Você esvreceu:

«Escolha sempre em ser feliz!

É muito bom!!!»

Só posso dizer: perfeito!

Um beijo

Isa Grou disse...

Olá António,

Muito obrigada pelo seu comentário, viu!

Beijo para você também.

António Rosa disse...

Isa

Vim saber se está tudo bem.

Abraço com muita luz.

Isa Grou disse...

Olá António,

Estou bem sim, obrigada viu!
Hoje já fui te visitar e mais tarde irei de novo para ler a entrevista de Maria Paula.... pode estar certo disso.
Ah.... falei com a nossa amiga Astrid hoje, e se Deus quiser ainda esta semana ela estará de volta...

Abraço para você também.

cova-do-urso disse...

Venho informá-la que a Maria Paula Ribeiro, do blogue «BandarraVet», entrevista que vou publicar esta noite, às 00:01, citou o seu blogue como um dos que ela mais aprecia.

Parabéns.


http://bandarravet.blogspot.com/

Isa Grou disse...

Que surpresa boa António!
Obrigada por avisar, viu!

Beijos.

adriana disse...

Lindo testemunho, querida!
Como você!
Amor e Luz!

Marise Catrine disse...

Isa,
Conheci o seu blogue através do "nosso" querido António.
A Isa é um grande exemplo de força e coragem. É uma lição de vida.

Continue assim, feliz e transmitindo felicidade.

Um beijo

Isa Grou disse...

Olá Marise,

Muito obrigada e seja muito bem vinda, viu!

Beijos.

Isa Grou disse...

Olá Adriana,

Muito obrigada pelas palavras, viu!

Beijos.

Silvia disse...

Oi Isa,
Comecei a ler e rir. 50% disso, 50% daquilo...
Sempre tem os dois lados, o copo pode estar meio vazio ou meio cheio; você escolheu a segunda opção. Muito mais inteligente. É mais fácil ser feliz que viver sofrendo.
Beijosssss

Isa Grou disse...

Olá Silvia,

Sem dúvida... ser feliz é uma OPÇÃO maravilhosa!
Obrigada pela visita, viu!

Beijos.

Reyel disse...

Amiga querida,

É isso. É a nossa vida e temos é que valorizá-la escolhendo sermos felizes mesmo.

A maioria espera para ser feliz, luta para ser feliz, mas a felicidade é uma escolha do aqui e agora, a cada momento, independente de fatores externos.

Está certo que certas situações influenciam, porém não são o fundamento.

Estou muito feliz de conhecê-la e tê-la como amiga.

Muitas bênçãos!

Isa Grou disse...

Reyel,

Sim... a ESCOLHA é sempre nossa... só nossa!
Obrigada!!!
Saiba que eu também estou muito feliz de conhecê-la e tê-la como amiga, viu?!

Grande beijo.